Foto: Guilherme Hahn

Há exatos cinco dias do fim das eleições, um dos últimos debates deste segundo turno entre Comandante Moisés (PSL) e Gelson Merisio (PSD), aconteceu na manhã desta terça-feira (23), na cidade de Criciúma.

Durante aproximadamente 1h20, com a serenidade e tranquilidade de sempre, Comandante Moisés falou sobre suas propostas de enxugamento da máquina pública e redução de cargos comissionados, bem como sobre despolitizar seu governo e sentir-se preparado para comandar Santa Catarina, mostrando-se conhecedor das demandas e desafios do Estado e responde as indagações com segurança e de forma concisa.

“Percorri o Estado, olhei nos olhos de milhares de catarinenses e ouvi suas necessidades. Me sinto preparado. Irei dar o melhor de mim, como Governador de Santa Catarina, em um futuro próximo. Estamos coligados com o povo! É por ele que lutamos e buscamos fazer uma renovação completa, para que assim, possamos devolver ao país e ao Estado, a celeridade no desenvolvimento que lhes compete”, destaca o Comandante.

Para o presidente do Partido Social Liberal de Santa Catarina, Lucas Esmeraldino, o candidato não só é o mais preparado, como tem sua vida baseada em proteger e ajudar o cidadão catarinense. “Desde o princípio sabíamos que tínhamos ao nosso lado alguém competente para ser o Governador de Santa Catarina. Moisés não só é preparado, como se preocupou em estar próximo da população, ouvindo as demandas e buscando preparar a melhor administração que Santa Catarina já viu”, ressalta ele.

Mesmo utilizando tempo de televisão, que antes não tinha, porém ainda sem usufruir da verba do fundo eleitoral de campanha, Comandante Moisés, mantém intensificada sua comunicação com os eleitores em suas redes sociais, apresentando propostas, respondendo aos questionamentos da população e mostrando mais uma vez porque é a escolha que irá alavancar Santa Catarina.

Comentários

comentários