Peninha e Eduardo Bolsonaro na Schützenfest.

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSC/SP) prestigiou a 29ª Schützenfest nesta quarta-feira, 15 de novembro. Ciceroneado pelo também deputado Rogério Peninha Mendonça (PMDB/SC), o filho do presidenciável Jair Bolsonaro desfilou , posou para centenas de fotos e mostrou suas habilidades no gatilho.

Esta é a segunda vez que Eduardo visita Jaraguá do Sul esse ano. Em maio, também a convite de Peninha, ele e seu pai, o presidenciável Jair Bolsonaro, palestraram em quatro cidades catarinenses. Em Jaraguá, o local escolhido para o evento foi a SCAR e, como acontece em todos os locais por onde passam, a casa estava lotada. “Santa Catarina é meu segundo lar, sempre que posso estou por aqui. Quando Peninha me chamou para participar dessa festa, eu não pensei duas vezes. Esta é a primeira vez que venho à Schützen, mas certamente não será a última”, afirmou.

Questionado sobre o lançamento da candidatura de Jair Bolsonaro em 2018, previsto para ocorrer em Blumenau, ele não bateu o martelo, mas admitiu que a possibilidade é real: “É muito cedo para decidir isso, mesmo porque meu pai não é candidato a nada por enquanto. No momento certo, caso ele realmente entre no páreo, a gente vai acertar esses detalhes. Santa Catarina sempre nos recebe com muito carinho e, por isso, certamente está no radar.”

A programação da Schützenfest se estende até domingo, dia 19, quando Rogério Peninha Mendonça deve participar novamente. Autor do projeto que revoga o Estatuto do Desarmamento, o deputado catarinense diz usar Jaraguá do Sul como argumento em seus debates na capital federal: “A cidade que realiza anualmente a Festa dos Atiradores e que tem um dos maiores números de armas por habitante, é também a cidade mais segura do país”, lembrou o parlamentar. Em junho desse ano, o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada – IPEA divulgou o ranking dos municípios mais pacíficos do Brasil. Jaraguá do Sul ocupa o primeiro lugar, seguido de Brusque, na segunda colocação.

Comentários

comentários