Divulgação

O motorista Doemir Gandolfi, de 54 anos, popular “Popi”, foi encontrado morto no interior de uma carreta Scania G420 de Caibí nesta segunda-feira, 18.mar.2019. A ocorrência foi registrada durante a tarde e a suspeita é de que ele tenha sido vítima de um latrocínio. O crime teria ocorrido após o caminhoneiro oferecer carona a um estranho.

O veículo foi avistado pelo proprietário de um sítio que estranhou o caminhão estacionado em uma estrada vicinal, às margens do quilômetro cinco da BR-163, em Várzea Grande (MT). Gandolfi estava sentado no banco do motorista com um ferimento possivelmente causado por arma de fogo.

A Polícia Militar foi acionada, por volta das 13h45, e registrou um Boletim de Ocorrência. A área foi isolada para trabalhos técnicos da Polícia Civil e do Instituto Geral de Perícias (IGP). O corpo foi encaminhado ao IML para necropsia.

Um Inquérito Policial deve ser instaurado para apurar os fatos. A principal linha de investigação é de que a vítima possa ter reagido ao assalto. Outras hipóteses não estão descartadas.

A polícia não informou o que teria sido levado.

Via Oeste em Foco

Comentários

comentários