• Notícias
More
    Início Notícias Política Com medo de perder votos, Bolsonaro não vai apoiar Comandante Moisés no...

    Com medo de perder votos, Bolsonaro não vai apoiar Comandante Moisés no segundo turno

    A declaração foi dada ao vivo no programa Pânico, na Jovem Pan, no início da tarde desta terça-feira (9)

    🕗 Publicado

    em

    - Publicidade -

    NEWSLETTER

    Receba notícias de Santa Catarina todos os dias em seu e-mail.

    Clique em "Assinar", confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.

    O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) talvez tenha decepcionado correlegionários e apoiadores da sigla em Santa Catarina, após declarar que não estará ao lado de Comandante Moisés, candidato ao governo do estado. A declaração foi dada ao vivo no programa Pânico, na Jovem Pan, no início da tarde desta terça-feira (9).

    A única candidatura que Bolsonaro pretende apoiar no segundo turno é a de Antonio Denarium (PSL), de Roraima. “Agora nos demais estados… Não, ficaremos neutros”, declarou o presidenciável. “Inclusive Santa Catarina“, completou.

    “Temos lá um candidato a… Um comandante que, foi pro segundo turno. Mas, respeitosamente, Santa Catarina foi o estado com maior votação. E se eu assumir um lado, eu vou ter problema do outro”, explicou Bolsonaro, com medo de perder votos.

    A análise que se faz é que os votos em Bolsonaro em Santa Catarina estão consolidados, e dificilmente perderia votos para Haddad (PT) simplesmente por apoiar o candidato da sigla. O apoio de Gelson Merisio (PSD) a essa altura não seria tão relevante, já que o pessedista de qualquer maneira já havia declarado que seu voto é Bolsonaro.

    Com isso, Merisio fica mais aliviado e Moisés só tem a perder.


    COMENTE ABAIXO ⬇