Divulgação

O Setor de Investigações e Capturas da Delegacia de Polícia da Comarca de Brusque prendeu preventivamente nesta quinta-feira, 4.abr.2019, no bairro Centro II, A.A.L., que se passava por advogado na região. Segundo as investigações, o suspeito, que não possui diploma nem registro junto à OAB, oferecia serviços de advocacia para moradores da cidade.

O homem foi preso preventivamente pelos crimes de estelionato, falsa identidade e exercício irregular de profissão. Na residência do suspeito, foram apreendidos documentos e dispositivos eletrônicos, que serão analisados na continuidade das investigações.

Os macacos não transmitem a febre amarela, eles são vítimas da doença e sinalizam a circulação do vírus na região.

Posted by Click Catarina on Friday, April 5, 2019

Comentários

comentários