Julio Cavalheiro/Secom

Funcionária concursada da Casan desde 2004, a engenheira Roberta Maas dos Anjos tomou posse na manhã desta segunda-feira, 25.fev.2019, como presidente da companhia. Ela lidera uma nova diretoria, toda formada por técnicos da empresa. No primeiro discurso à frente do cargo, Renata se comprometeu a estimular a cultura da inovação e da transparência em favor dos usuários dos serviços da Casan.

A cerimônia teve a presença do governador Carlos Moisés e de outras autoridades. O ato foi transmitido por videoconferência para todas as sedes regionais da companhia. Também tomaram posse os novos diretores Evandro André Martins (Administrativo), Fábio César Krieger (Operação e Expansão) e Ivan Gabriel Coutinho (Financeiro e Relações com os Investidores).

“Nosso desafio será liderar equipes técnicas para transformar a máquina pública com inovação e transparência, para beneficiar todas as pessoas que vivem aqui. Esse desafio chegou e estou encarando como uma oportunidade para colocar nossos sonhos em ação”, declarou Roberta. A nova diretoria planeja ampliar a capacidade da Casan de ampliar a rede de coleta e tratamento de esgoto e melhorar a robustez dos sistemas de abastecimento de água, especialmente no verão.

A presidente enalteceu a decisão do governador Moisés em priorizar os trabalhadores efetivos com experiência na área para ocupar cargos estratégicos de gestão. Funcionários lotaram o auditório do Centro de Manutenção e Operação da Casan, no Estreito de Florianópolis, local da solenidade. Roberta enfatizou que eles serão importantes para o futuro da companhia. “As decisões nesta missão a nós confiada serão, muitas vezes, baseadas na convivência com todos os empregados da Casan”, afirmou.

Carlos Moisés reiterou o compromisso de priorizar o critério técnico na escolha dos cargos de gestão do governo. “Queremos empoderar o funcionário efetivo, aquele que tem o amor pela causa, que conhece as demandas da Casan. Muitas vezes, quando o Estado é compartilhado por setores de poder, fica difícil determinar que algo de positivo aconteça”, afirmou.

Também participaram da posse o secretário de Estado da Casa Civil, Douglas Borba, e o deputado estadual Onir Mocellin.

Experiência e currículo acadêmico

Roberta é a primeira mulher a assumir a presidência da Casan. Antes da nomeação, chefiava a Divisão de Convênios Internacionais da companhia. Ela é mestre em Gestão da Inovação pela Ècole Nationale Supérieure des Mines de Saint-Etienne, da França (curso oferecido em parceria com a UFSC), especialista em Engenharia de Avaliações e Perícias pelo Instituto Catarinense de Engenharia de Avaliações e Perícias (Ibape). O currículo acadêmico da gestora ainda conta com duas graduações: Engenharia Sanitária e Ambiental (2003), pela UFSC, e Engenharia Civil (2010), pela Unisul.

Segundo o governador, a nomeação da nova presidente levou toda essa experiência em consideração, assim como os 15 anos dedicados à Casan. “O governo levanta a bandeira da austeridade, da legalidade, da moralidade. Vimos na Roberta uma pessoa que reúne todas essas características. A história dela na companhia fala por si. A gente sabe que a Roberta ainda tem muito a entregar à Casan”, finalizou o governador.

A informação vem da oitava edição do Boletim Semanal de Indicadores da Segurança Pública de SC.

Posted by Click Catarina on Monday, February 25, 2019

Comentários

comentários