Divulgação

A 4ª Delegacia de Polícia da Capital prendeu em flagrante esta semana o dono e uma casa noturna localizada na orla marítima do bairro Coqueiros por crime de furto de energia. A irregularidade foi descoberta durante as investigações a respeito de uma explosão de um transformador e incêndio de um veículo na avenida Desembargador Pedro Silva, no mês de janeiro.

Na época da explosão, foi identificado que a situação havia sido motivada por uma demanda muito alta de energia elétrica devido a um mal dimensionamento da rede. Constatou-se, no entanto, que o menor dimensionamento de energia estava sendo realizado porque o estabelecimento do comerciante não registrava o valor real de consumo, utilizando muitos aparelhos elétricos e sobrecarregando o sistema de distribuição.

Logo após a constatação, os policiais da 4ª Delegacia da Capital foram até à residência do empresário, onde o prenderam em flagrante. A investigação continua agora para identificar demais envolvidos e possíveis locais no bairro onde haja ocorrência de furto de energia elétrica.

A Polícia Civil alerta que este tipo de conduta prejudica a sociedade como um todo e causa perigo a um número indefinido de pessoas, pois se a rede elétrica pública não está dimensionada para grandes demandas de energia, pode haver sobrecarga (como a que ocorreu em janeiro, ocasionando a explosão de um transformador e o incêndio de um automóvel) e atingir pessoas inocentes e o patrimônio de terceiros.

Em depoimento, as duas vítimas confirmaram os abusos do pai, e relataram que o suspeito fazia constantes ameaças.

Posted by Click Catarina on Friday, March 22, 2019

Comentários

comentários